Brinquedos para bebê: Do primeiro mês à 1 ano

Tabela de conteúdo

Brinquedos para bebê estimulam o desenvolvimento. Eles exercem uma função importante para a interação dos pequenos com o mundo. E não é raro ver os brinquedinhos fazendo parte do enxoval.

Quem pensa que isso é exagero, está enganado. Os brinquedos fazem parte do mundo da criança desde seu nascimento. E é assim mesmo que deve ser.

Porém, o que vemos com frequência são as mamães e familiares, meio perdidos, sem saber o que comprar para cada fase de vida. Por isso, trazemos neste post, tudo que é importante saber, antes de sair às compras.

Aqui mostramos os brinquedos para bebês mais indicados para cada estágio da vida. Mas também explicamos as características de cada ciclo, para você entender porque alguns são ideais.

bebe brincando blog ifraldas
Créditos da Imagem: Freepik.

Brinquedos para bebê: Devo ou não devo comprar? Será que são essenciais?

Não tem futura mamãe que não tenha pensado nesta questão ao se deparar com os mais fofos brinquedinhos. No momento das compras do enxoval, vem aquela vontade irresistível de levar todos.

Sim, você deve comprar. Eles fazem avançar a motricidade, ajudam no desenvolvimento do conhecimento e aceleram o amadurecimento emocional. 

No entanto, é preciso saber escolher. Nem sempre adianta levar aquele centro de atividades colorido e lindo para seu nenê. Se ele ainda não estiver pronto para interagir com os objetos ali contidos, a decepção vai ser grande. Vai parecer que ele ignora seu mimo. 

Aqui estão algumas listinhas. Nelas você encontra sugestões e dicas. Acrescentamos as características e o desenvolvimento cognitivo, afetivo e motor de cada ciclo de vida infantil até um ano. Assim, você saberá o que comprar e quando fazê-lo. Dá uma conferida.

Brinquedos para bebê: Os ideais para bebês até 1 ano

O primeiro ano de vida é cheio de emoções para nós, mamães. Mas também é repleto de descobertas para os nenês.

Entretanto, só podemos curtir tudo isso, quando acompanhamos cada etapa desse primeiro ano e conhecemos a especificidade de cada uma. É importante, inclusive, para ter certeza de que brinquedos oferecer.

Cada mamãe precisa compreender que cada bebê é único. Sendo assim, tem seu tempo e sua maneira própria de comportar-se e desenvolver-se.

Portanto, ao invés de ficar comparando seu filho a outras crianças, trate de aproveitar cada fofura e cada nova descoberta, sabendo que os aprendizados podem variar.

Acompanhe as dicas observando o desenvolvimento e necessidades em cada trimestre de vida.

Brinquedos para neném de 0 a 3 meses e o desenvolvimento característico da fase

Neste primeiro trimestre o bebê tem um avanço de aprendizado espantoso. É realmente grande a quantidade de coisas que ele aprende a fazer. Seu desenvolvimento é crescente e em curto espaço de tempo.

Conheça as características do primeiro mês

No primeiro mês a criança ainda não controla os músculos do olho. Isso limita seu campo de visão. O alcance é de apenas 30 centímetros, com imagens meio sem foco e confusas, às vezes com imagens duplicadas. Na verdade, só tem olhos para sua mamãe, que o amamenta.

Que brinquedos oferecer?

Móbiles coloridos, especialmente os que fazem contrastes entre tons claros e escuros. Estes móbiles de berço, são, portanto, os melhores para a fase.

A audição já está ativa, visto que a formação desta se inicia no útero. Quando o bebê nasce ele já tem a audição completa. Portanto, comprar móbiles musicais é perfeito.

Inclusive, eles conseguem virar a cabecinha na direção dos sons, após 20 ou 30 dias de nascimento.

No segundo mês

Neste período, ele já conquistou um campo de visão maior e consegue fixar o olhar nos objetos e pessoas. Sendo assim, já começa a acompanhar a movimentação, já enxerga detalhes e até já consegue reconhecer familiares e outros que não são a mamãe.

Os melhores brinquedos para nenê nesta fase são os que podem ser movimentados, têm cores e emitem sons. Por isso, os pêndulos, móbiles e chocalhos são perfeitos.

Devem ser coloridos e sonoros para chamarem a atenção. Mas, cuide para que o brinquedo tenha som suave, semelhante às canções de ninar ou músicas clássicas serenas. Dessa forma, não vão agredir a sensibilidade do baby.

Outro brinquedo estimulante nesta fase são as argolas macias e coloridas. No segundo mês, surge o reflexo de segurar. Colocar uma argola na mãozinha faz com que ele segure, dobrando os dedinhos. Nisto está sendo aguçado o seu tato.

Você, mamãe, também pode mostrar objetos coloridos e sonoros, e movimentá-los, de modo que ele acompanhe com a cabeça e o olhar.

Quando o ambiente serve para brincar

Nesta época da vida, tudo que está à volta é descoberta e serve para brincar. Uma dica nesse sentido é passear com o bebê em locais que tenham folhagens em movimento.

É impressionante como eles amam acompanhar o balanço das folhas e suas sombras que dançam ao vento.

Apesar de tudo que possamos oferecer, o melhor brinquedo ele encontra nas mãozinhas. Observe como já consegue abri-las e fechá-las. E o destino é a boca. Ele chupa os dedinhos e até a mão toda, e se diverte com isso.

No terceiro mês

É tempo de chutar, bater, balançar e explorar sons, cores e movimentos. Uma das características marcantes deste período é a descoberta da relação causa e efeito. O baby se encanta, por exemplo, quando aperta um brinquedinho macio e ele emite um som.

Com 3 meses os tapetes de atividades são os melhores brinquedos para neném. Neles há objetos coloridos e sonoros pendurados. Você pode deitar o nenê de costas, sobre o tapete de atividades, no chão.

Outros itens a oferecer são as argolas macias e mordedores. Ambos podem ter texturas variadas e contraste de cores.

Além disso, há os livrinhos de banho, feitos de plástico e com imagens coloridas. Também podem ser oferecidos livros de tecido, com diferentes texturas e sons.

De 3 a 6 meses com que brinquedo o nenê deve brincar?

Chegando ao terceiro mês o bebê inicia o reconhecimento de si mesmo. Ele já começa a perceber que não é uma extensão da mãe. Apesar disso, precisa muito da presença dela.

Neste trimestre eles já desenvolvem a capacidade de imitar qualquer som. Além disso, já surge a capacidade de sentar, primeiramente com apoio. Porém, ao final do 6º mês já conseguem sozinhos.

Ele também consegue rolar e se movimentar bastante, por isso, é hora de brincar no chão, onde não há risco de quedas e a possibilidade de acidentes é menor.

Por isso, os melhores brinquedos de neném são:

  • Os tapetes de atividades;
  • Emborrachados, coloridos e macios;
  • Os livros de tecidos e de plástico;
  • Bichinhos e bonecos maleáveis e fofinhos;
  • Mordedores;
  • Bonecas de pano;
  • Chocalhos.

Brinquedos para estimular o desenvolvimento de 7 a 9 meses

De 7 meses em diante, e até os 9, os pequenos ganham novos aprendizados. As características que mais se desenvolvem são a memória, a observação e a atenção. 

Eles já começam a engatinhar. Também já sabem agir para satisfazer uma curiosidade, como, por exemplo, tentar chegar a um objeto que lhe despertou a atenção. 

Além disso, conseguem entender que um objeto escondido existe de verdade e entendem que podem procurá-lo. 

Reconhecem rimas, músicas e muitos já falam algumas palavrinhas. Aos 9 meses já dão adeus e repetem pequenos trechos de musiquinhas ou rimas.

Nesta fase eles já seguram perfeitamente chocalhos, bolas e outros objetos e continuam apreciando cores, luzes e sons. Veja os brinquedos para neném neste ciclo etário:

Brinquedos para bebê de 7 a 9 meses

Veja sugestões para oferecer nesta faixa de idade:

  • Brinquedinhos de banho;
  • Objetos musicais mais elaborados, como barquinhos, bichinhos, carrinhos maleáveis e macios;
  • Cubos de atividades. Alguns são sonoros e têm iluminação. Estes são bem interessantes, pois nesta faixa etária contribuem para ampliar a motricidade, a curiosidade e a interatividade com o mundo.
  • Centro de atividades;
  • Instrumentos ou kits musicais;
  • Mordedores e chocalhos;
  • Brinquedos infláveis que permitem a entrada da criança. Por exemplo, cabaninhas, barracas, tendinhas, circos, carrinhos, etc.
  • Peças de encaixe;
  • Blocos divertidos, com peças macias para encaixe ou sobreposição.
  • Piscina de bolinhas;
  • Blocos ou torres para empilhar as peças.

É importante que todos os brinquedos sejam macios, coloridos e de material não tóxico. A presença de luzes e diferentes texturas, também é legal, para aguçar ainda mais os aspectos cognitivo e sensorial.

Quais são os melhores brinquedos para bebês de 10 a 12 meses

Com 10 meses os pequenos já contam com características bem avançadas. Seu aprendizado vai crescendo mais a cada dia. Veja o sucesso cognitivo, motor e sensorial que eles conquistam neste trimestre.

  • Já sabem brincar com livrinhos apreciando as imagens;
  • Iniciam a aprendizagem do conceito de espaço;
  • Já entendem o que significam os termos: embaixo, em cima, ali, aqui, etc.;
  • Fazem graças esperando a atenção e admiração dos adultos;
  • Entendem o sim e o não;
  • Muitos já falam várias palavrinhas;
  • Interagem bem com as pessoas à sua volta e até sabem cumprimentar;
  • Ao final do trimestre constroem pequenas frases com entendimento;
  • Gostam da companhia de outras crianças;
  • Apreciam jogos de causa e efeito, ou seja, entendem que para cada ação que fazem, algo pode acontecer.

Exemplos: Sacodem chocalho sabendo que ouvirão o barulho. Empurram um carrinho entendendo que ele vai correr para longe. Exploram um brinquedo aguardando o efeito que retornará.

  • O maior avanço é, no entanto, no desenvolvimento motor. É quando as mamães não podem perdê-los de vista, para evitar acidentes.

É a fase do mexe em tudo o que vê. É tempo de se locomoverem, explorando tudo que há pela frente, visto que a curiosidade não dá tréguas. Ainda bem, pois o aprendizado é imenso. 

Nesta fase eles adoram abrir gavetas e armários que estejam a seu alcance. E quando encontram objetos adoram retirá-los e jogá-los longe.

Eles apontam o que desejam, cantam, dão tchau e batem palminhas. Além disso, repetem gestos e expressões, entre outros movimentos. 

Brinquedos para neném: Entre 10 a 12 meses

Conforme as características deste ciclo de vida, os melhores brinquedos a oferecer são os que estimulam engatinhar e dar os primeiros passos. Você pode estimulá-los com: 

  • Bolas;
  • Bichinhos de pelúcia;
  • Bonecas macias;
  • Balanços infantis;
  • Jogos de empilhar;
  • Encaixes;
  • Elementos musicais educativos;
  • Tapete musical;
  • Brinquedos tecnológicos infantis com sons, luzes e cores;
  • Piscinas de bolinhas;
  • Tendas e cabaninhas para entrar;
  • Carrinhos de empurrar ou puxar;
  • Instrumentos musicais infantis;
  • Quebra-cabeças para bebês com peças grandes.

Brinquedos artesanais DIY são incríveis!

Os brinquedos de neném não precisam ser todos vindos de fábrica. Os artesanais também são bem-vindos. E você mesma pode fazê-los. A alternativa DIY (do-it-yourself – faça você mesma) é criativa e vantajosa.

Esta é uma opção ótima: trata-se de estimular a criança por meio de brinquedos que aguçam o desenvolvimento, ao mesmo tempo que bons trocados são economizados. Os brinquedos DIY são fáceis de fazer. Basta que você siga alguma orientação passo a passo.

Existem muitas alternativas na Internet, que ensinam como fazer os brinquedos. E você ainda ajuda o ambiente, pois lança mão de materiais reutilizáveis. Veja alguns exemplos legais: 

Móbile Sensorial: faça você mesma

Pegue um bambolê, enfaixe-o com uma fita larga colorida. Amarre nele várias tiras ou fitas coloridas compridas, circulando por toda a volta. Pendure acima do bebê deitado ou sentadinho. Movimente o móbile para ele observar.

Garrafa sensorial: faça você mesma

Pegue uma garrafa transparente que tenha tampa. Vá enfiando dentro dela vários objetos coloridos, precisam ser pequenos para passarem na boca da garrafa. Dê preferência a objetos que fazem barulhinhos. Feche muito bem a garrafa e ofereça ao bebê para brincar.

Alguns objetos que você pode pôr na garrafa são: botões, milho, pedrinhas coloridas, etc. Também fica legal pôr água com glitter. Porém, a garrafa precisa ser muito, muito, bem fechada, para não derramar com os movimentos do pequeno. Mas, esteja sempre por perto. Assim, impedirá acidentes.

Para finalizar...

Como você pode perceber, até mesmo os brinquedos artesanais podem estimular os pequenos, portanto, veja como é simples fazer seu filho interagir e aprender. Ajude-os a descobrir o mundo que os cerca.

Brinquedos para bebê estimulam o desenvolvimento em geral. São indispensáveis. Mas, saiba que mesmo tendo brinquedos, toda criança precisa ter a mãe por perto. A presença humana contribui para ajudá-lo nas descobertas. Ajuda-o também a ter segurança e desenvolver autoconfiança.

Atenção mamães: Neste texto foram apresentadas competências esperadas em determinadas faixas etárias. Entretanto, seu pequeno pode estar mais avançado em algumas e menos em outras. Isso não representa problema, muito menos atraso no desenvolvimento. Faz parte da diversidade humana, onde ninguém é igual a ninguém.

Curtiu? Leia mais conteúdos interessantes:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O seu chá de bebê começa aqui

Faça sua lista de presentes e receba tudo em dinheiro.

ahh, montar sua lista é grátis ☺️