Banho de ofurô: conhece a técnica que faz bebês dormirem no banho?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

O banho de ofurô é uma técnica relativamente nova. Nasceu na Holanda, em 1997, criada por obstetras e parteiros como meio de proporcionar um ambiente parecido com o útero materno, sendo usada inicialmente em bebês prematuros.

Depois de um tempo, ao observar o estado de bem-estar e tranquilidade que os bebês demonstravam, muitos chegando até mesmo a dormir durante o banho, os médicos acabaram ampliando a técnica para todos os recém nascidos. E o resultado revelou-se um sucesso!

A magia que envolve o banho de ofurô está na semelhança que a técnica possui com o espaço do útero materno. Para o bebê, é como se ele tivesse voltado para aquele cantinho quentinho e gostoso, onde ele passou os últimos nove meses e que ele conhece tão bem.

Isso acontece porque o espaço limitado do balde permite que o bebê sinta as paredes que o cercam, assim como era dentro do útero, além de ter que ficar na posição fetal para poder se encaixar no ofurô. E a água morninha é o elemento final para ampliar essa sensação.

O resultado é incrível. É realmente encantador ver a paz e o relaxamento que as crianças demonstram ao vivenciar um banho de ofurô. O sono acaba vindo como uma consequência natural da sensação de segurança e relaxamento que os bebês experimentam nesse ambiente que lhes é tão familiar.

Banho de ofurô: principais benefícios para o bebê

  • Além de simular o ambiente do útero materno, o banho de ofurô possui trazer ainda diversos benefícios para o seu bebê:
  • ajuda a aliviar as terríveis cólicas abdominais
  • melhora a qualidade do sono dos bebês, sendo indicado inclusive para fazer parte do ritual noturno do bebê
  • traz uma incrível sensação de relaxamento para a criança, diminuindo o agito e o choro
  • ajuda a ativar a circulação sanguínea
  • estimula o desenvolvimento do sistema nervoso

Você se interessou e quer experimentar? Pois vamos explicar direitinho como você poderá usufruir de todos esses benefícios em casa.

Banho de ofurô: como fazer

Antes de mais nada você irá precisar separar um balde exclusivo para o banho do bebê, que não deve ser usado para as outras atividades da casa.

O ideal é que sejam ofurôs e não baldes comuns. A diferença entre eles é que o ofurô possui a base arredondada e as paredes e bordas reforçadas para aguentar o peso do bebê com tranquilidade.

Desta maneira, oferece segurança para a aplicação da técnica.

Se quiser incrementar o banho de ofurô do seu bebê, deixando-o ainda mais relaxante, misture na água umas duas gotinhas de óleo essencial de lavanda ou uma xícara de chá de camomila. Isso irá ampliar ainda mais a sensação de bem-estar na criança.

Passo a passo do banho de ofurô

Tudo pronto, vamos começar:

  • esquente a água do banho até uma temperatura média entre entre 36,5 e 37,5 graus e encha o balde. A ideia é que seja a mesma temperatura do corpo humano.
  • o nível de água deve ficar na altura do peito do bebê. Nunca ultrapasse essa medida para evitar riscos de afogamento.
  • coloque o bebê dentro do balde com perninhas e braços encolhidos (posição fetal). Lembre-se que você não irá mergulhar o bebê dentro do balde.
  • em bebês recém-nascidos, é recomendável envolvê-lo com uma fraldinha antes de colocá-lo no balde, para aumentar essa sensação de conforto e segurança.
  • nas primeiras vezes recomendamos que a técnica seja realizada por dois adultos. Como ele ainda não firmou a cabeça, uma pessoa irá segurá-lo em volta do pescoço, usando as duas mãos. Enquanto isso, a outra pessoa irá limpar suavemente a criança.
  • quando o bebê já tiver com a cabeça mais firme, ele pode ser sustentado no balde pelas axilas.
  • o banho não precisa ser demorado. !5 minutos são suficientes para que o seu bebê aproveite todos os benefícios da técnica.
  • finalmente, jamais deixe o bebê sozinho dentro do ofurô, nem mesmo por alguns segundos, para evitar acidentes fatais.

Como você percebeu, é muito simples de fazer e os resultados são maravilhosos. E você pode experimentar desde os primeiros banhos até por volta dos 6 meses.

Gostou? E se você já experimentou a técnica do banho de ofurô, compartilha a sua experiência com a gente, comentando aqui embaixo. Vamos adorar saber.

Aproveite e veja outros artigos sobre saúde do bebê aqui no nosso blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Tarifas e prazos

Tarifas

No intuito de prestar o melhor serviço para nossos clientes com alta tecnologia e segurança, o iFraldas retém um percentual de 7,99% sobre o valor das fraldas virtuais recebidas. Além disso, se o seu convidado efetuar o pagamento por meio de cartão de crédito, o Pagar.me (intermediadora de pagamento) cobra um percentual de 3,99%, ou, no caso de boleto bancário o valor de R$ 3,80 por boleto pago.

Quando da solicitação do resgate, informamos que não é cobrada taxa para a transferência. No entanto, a partir do segundo resgate, caso ocorra, será cobrada a taxa de 7,90 reais por transferência.

Prazos

O prazo para resgate das transações realizadas por boleto bancário é de 3 dias úteis. O prazo para resgate no caso de transações realizadas por meio de cartão de crédito é de 33 dias corridos. Em ambos os casos, o prazo para o iFraldas realizar a transferência dos valores é de 3 dias úteis, a partir da data de solicitação.