Grávida pode? 10 bebidas para tirar suas dúvidas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Além das diversas dúvidas sobre o que uma grávida pode comer ou não, as mulheres que passam por essa fase também enfrentam o desafio de compreender o que pode ser ingerido em relação às bebidas. Saber o que uma gestante pode ou não beber é uma tarefa difícil, principalmente por conta das opiniões diversas vindas das mais surpreendentes formas.

Por esse motivo, separamos uma lista com 10 bebidas que estão frequentemente entre as dúvidas de quem está grávida para que elas sejam esclarecidas.

Lembre-se que é importante consultar seu médico para entender se existe alguma restrição extra que deve ser incluída de acordo com seu histórico e desenvolvimento da gestação.

Afinal, cada corpo é um corpo! Confira abaixo as top 10 bebidas que estão entre as dúvidas em relação ao consumo durante a gravidez.

Grávida pode beber suco detox?

Sim e não. Ficou confusa? Essa é uma resposta importante porque existem diversas receitas para a montagem de um suco detox. Com isso, não existe uma resposta certa.

Então, vamos falar sobre os alimentos presentes nesse tipo de suco. Normalmente, trata-se de uma mistura de itens com o objetivo de facilitar a perda de peso. Os ingredientes costumam ser diuréticos, saciantes e laxativos. Com isso, passa a ser desaconselhado que as gestantes consumam esse tipo de suco, tendo em vista que passam sensação de saciedade e, dessa forma, faz com que a mulher não cumpra suas necessidades nutricionais, podendo gerar queda no peso e problemas no desenvolvimento do feto.

Por isso, é importante entender o que a fabricante está chamando de detox. Muitas vezes, trata-se apenas de um suco verde ou uma mistura de folhas e frutas que pode sim fazer bem para a grávida.

Grávida pode beber suco verde?

Aproveitando que o assunto é suco, vamos falar sobre o verde! Muitas pessoas acreditam que os sucos detox e os sucos verdes são a mesma coisa, quando na verdade não são. Os sucos verdes, em geral, auxiliam muito na imunidade, ao contrário dos detox que têm como objetivo acelerar o processo de emagrecimento. Mas é importante ter cuidado ao escolher os ingredientes.

As grávidas devem optar por itens ricos em ferro, vitamina C, Ômega 3, cálcio e antioxidantes. Uma receita excelente seria a mistura de couve, limão, hortelã, linhaça, gengibre, pêra, maçã e água. Além da questão da imunidade, que é por si só extremamente importante, esses ingredientes vão ajudar na memória, disposição, diminuição na retenção de líquido, proteção do fígado e aceleração do metabolismo. Por consequência, esses nutrientes farão bem para o bebê, principalmente no que diz respeito ao desenvolvimento do seu sistema nervoso.

Com isso, é importante ter atenção redobrada aos componentes do suco verde para garantir que são dessa natureza ou optar por produzir o suco em casa, de acordo com a orientação do seu médico.

Grávida pode beber suco de limão?

O limão é uma fruta rica em vitamina C e seu consumo é bastante seguro durante a gravidez. Ele pode ser utilizado para produzir sucos ou temperar alimentos como saladas, por exemplo.

Além de ser um alimento rico, o limão pode ser um grande aliado das grávidas em diferentes situações. A fruta auxilia em questões como: alívio de enjoos, regulação das funções intestinais e melhora a absorção do ferro consumido durante as refeições.

Ou seja, você pode apostar no limão durante a sua gravidez.

A dúvida se tornou frequente por conta de um conhecimento popular de que o consumo constante da fruta durante a gravidez pode resultar em um cenário de cólicas frequentes na criança após o nascimento. Mas não existe nenhuma evidência ou comprovação científica de que essa afirmação é verdadeira. Por isso, não existe necessidade de retirar o limão de sua dieta. Basta controlar o nível de consumo, como com qualquer outro item. Então, beba com moderação!

Grávida pode beber açaí?

O açaí é uma das frutas preferidas dos brasileiros e grávida pode beber com moderação

Essa é uma dúvida que dói no coração de muitas mulheres. Brincadeiras à parte, o açaí é uma das sobremesas favoritas do brasileiro e que deixa muitas mamães em dúvida sobre seu consumo.

O creme ou suco são basicamente compostos pela polpa da fruta, açúcar e xarope de guaraná. Com isso, o açaí passa a ser uma opção rica em vitaminas, minerais, potássio, magnésio e cálcio. Ou seja, ele é um alimento que traz nutrientes muito importantes para a saúde da gestante e também para o desenvolvimento do feto.

É importante ter cuidado com a quantidade ingerida, tendo em vista que a fruta também possui um alto índice calórico. São recomendados cerca de 150 gramas três vezes na semana, considerando uma mulher saudável e sem restrições relacionadas ao consumo de açúcar.

Outro ponto que necessita de atenção é a forma como o produto é consumido. As informações descritas aqui são relativas ao consumo pura e não incluem os complementos tão famosos entre os brasileiros. É importante avaliar se cada um dos itens pode ser consumido por gestantes também!

Encontramos aqui uma receita deliciosa de açaí para você fazer em casa.

Grávida pode beber cerveja?

ifraldas gravida pode beber cerveja

Essa é uma das poucas bebidas que grávidas não podem consumir em hipótese alguma. Os riscos são muito grandes: pode haver consequências graves como o aborto e o nascimento prematuro do bebê. O motivo é a quantidade de álcool presente na bebida, que não deve ser consumida durante a gestação e nem mesmo na amamentação.

O impacto no desenvolvimento da criança é tão grande que tem um nome específico, síndrome alcóolica fetal, também chamada pela sigla SAF entre os médicos. O consumo durante a gravidez também pode reduzir em até 20% a oferta de leite produzido pela mãe, o que pode gerar deficiências nutricionais o bebê após o nascimento.

Dentre os impactos na formação do feto, estão questões como: Os bebês que desenvolvem a condição possuem complicações tais como: anomalias faciais, fissura palpebral, hemiface achatada, nariz antevertido, lábio superior fino, complicações relacionadas ao crescimento, problemas do sistema nervoso, microcefalia, agenesia do corpo caloso, hipoplasia cerebelar, perda de audição,anomalias relacionadas ao aprendizado, defeitos cardíacos, no esqueleto e nos rins.

Em resumo, o consumo de bebida alcoólica, seja cerveja ou qualquer outra, é expressamente proibido em qualquer fase da gravidez.

Grávida pode beber cerveja sem álcool?

Existem diversas opções de cerveja sem álcool no mercado, e sendo esse ingrediente o fator mais alarmante para o consumo durante a gravidez, muitas grávidas ficam em dúvida sobre se podem ou não beber essa possibilidade.

Além do gosto diferente, a composição muda bastante. Mas, grande parte não são completamente isentas de álcool. A maioria gira em torno de uma composição de 0,5%. Ou seja, apesar de o nome do produto afirmar que não há álcool, a substância continua presente na bebida, fazendo com que ela também continue a ser proibida para consumo durante o período de gestação.

Então, vale a pena verificar o rótulo das cervejas antes de consumir, avaliando se realmente possuem 0% de álcool em sua composição. Se realmente não houver a substância, a cerveja está liberada!

Ou seja, trata-se de uma bebida que pode gerar muitas dúvidas devido a forma como suas informações são dispostas na embalagem. Na dúvida, é aconselhado que o consumo não seja feito para garantir o bem-estar da mãe e o desenvolvimento de qualidade e seguro para o bebê.

Grávida pode beber café?

Sim, as grávidas podem beber café. Porém a quantidade deve ser limitada. O máximo que as gestantes devem ingerir de cafeína diariamente são 200mg, o que é equivalente a cerca de 3 xícaras de café ou 4 de chá preto. Por isso, é importante ter atenção redobrada, pois a cafeína não está presente somente no café. Ela também aparece em chás, como dito anteriormente, refrigerantes, alguns tipos de chocolate e energéticos, por exemplo.

Em resumo, os motivos para essa restrição são basicamente dois:

  • Assim como todos os outros ingredientes consumidos pela mãe, a cafeína passa a ser consumida também pelo bebê durante a gestação. Por isso, ao beber o café, é possível que o bebê fique agitado junto com a gestante, o que pode causar desconfortos ao longo do tempo;
  • Além disso, as substâncias presentes no café também podem causar alterações como a redução no ritmo de crescimento da criança, fazendo que ela possa inclusive nascer antes da data prevista, se tornando prematuro.

Grávida pode beber chá de hortelã?

O chá de hortelã não traz consequências graves para a mãe ou para o desenvolvimento do bebê durante a gravidez. Entretanto, pode prejudicar a produção de leite. Então, com certeza é uma bebida que merece atenção durante a gestação. O hortelã também pode estar inserido em outros alimentos e bebidas, além do chá, como o suco de abacaxi por exemplo.

Ao mesmo tempo, em algumas situações, o chá de hortelã é indicado por alguns médicos por ser uma ótima estratégia para aliviar as náuseas e acalmar o sistema digestivo, por se tratar de um elemento que ajuda a acalmar o funcionamento dos órgãos internos.

Ou seja, esse tipo de chá não traz grandes impactos durante o período de gravidez, mas é necessário que o consumo seja exagerado. Tomar a bebida em excesso pode gerar uma grande dor de cabeça após o nascimento do bebê.

De forma geral, os chás claros não são prejudiciais para a gestação. Mas há alguns que merecem atenção, valendo consultar um médico antes de tomar a decisão de ingerir ou não:

  • Chá de Alecrim
  • Chá de Sene
  • Chá de Vidreira
  • Chá de Zimbro
  • Chá de Arruda
  • Chá de Buchinha do Norte
  • Chá de Canela
  • Chá de Boldo
  • Chá de Zimbro
  • Chá de Raiz de Angélica

Grávida pode beber refrigerante?

O refrigerante não está 100% proibido na dieta de uma gestante, mas essa bebida tem uma composição que traz diversos riscos, se consumidos em excesso também. Além de se tratar de uma bebida que não traz benefícios para a saúde de ninguém, independente da gravidez ou não, os principais disponíveis em supermercados são ricos em açúcar e cafeína, que são ingredientes que devem ser consumidos de forma restrita pelas grávidas.

Como já foi dito anteriormente, o consumo de cafeína não deve ultrapassar 200 mg por dia durante a gravidez, podendo prejudicar o desenvolvimento do feto e gerar ansiedade para a mãe.

Além disso, o refrigerante também contribui para o desconforto abdominal, aumento de peso e retenção de líquido. Esses três itens não prejudicam a gravidez, mas com certeza estão na lista de situações a serem evitadas pelas futuras mamães.

Grávida pode beber energético?

Os energéticos possuem uma composição similar à dos refrigerantes, porém com níveis muito mais elevados de cafeína e de açúcar. Então, todas as regras que se aplicam aos refrigerantes, também podem ser aplicadas quando se trata de energéticos.

As marcas mais famosas costumam, inclusive, colocar em suas embalagens a informação de que o consumo deve ser restrito para gestantes e lactantes.

Como as substâncias aumentam o ritmo cardíaco e o metabolismo da mãe, é recomendado que ela seja evitada para que essas sensações não sejam transmitidas ao bebê. Isso sem se falar nos possíveis efeitos colaterais de insônia e dor de cabeça, que não são nem um pouco bem-vindos durante esse período.

Então, busque outras alternativas de bebida para se refrescar!

Agora que você já sabe o que pode e o que não pode beber durante a gravidez, é só se organizar para garantir que sua dieta está adequada e que a saúde do seu bebê está em dia.

O ideal é consumir bastante água, sucos naturais e água de côco. Esses três itens podem ser consumidos à vontade e você não estará correndo risco de prejudicar sua saúde a do seu tão esperado filho.

Gostou do conteúdo? Compartilhe nas suas redes sociais e permita que mais gestantes se informem em relação ao assunto! Veja muitos outros em nosso blog.

E se você tiver alguma dúvida sobre alguma bebidas que não listamos aqui, deixe nos comentários, que nós iremos procurar para você e atualizar nossa publicação.

Outros posts que podem te interessar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Como funcionam os valores e prazos?

Não custa nada para criar o site do seu chá, você tem acesso a vários recursos. Apenas se você receber fraldas virtuais, haverá uma tarifa de 7,99% sobre os valores recebidos. Liberando todos os recursos iFraldas Premium, além das tarifas, haverá um valor único de R$29,90. 

Você não paga nada quando começa a utilizar o iFraldas, os valores são descontados no resgate dos presentes. É muito mais comodidade e tranquilidade para você.

E as tarifas bancárias?

As tarifas bancárias incidem apenas nas fraldas virtuais recebidas. Caso o convidado efetue o pagamento por meio de cartão de crédito, incidirá também um desconto percentual de 3,99% sobre o valor do presente. É uma cobrança da Intermediadora de Pagamentos – Pagar.me. Segue um resuminho para não haver dúvidas sobre as tarifas:

Cartão de crédito Boleto e Pix
7,99% + 3,99% 7,99%

Tarifa zero para você

Você tem a opção de passar as tarifas para os seus convidados. Assim, quando eles te presentearem, as tarifas já serão adicionadas à compra e você recebe o valor integral dos presentes recebidos.

E os prazos?

Para resgatar os valores que recebidos dos presentes, temos um política de liberação que funciona de acordo com a tabela abaixo:

Cartão de crédito Boleto Pix
Prazo para liberação 33 dias corridos Até 3 dias úteis Imediato (após o pagamento)
Prazo para transferência Até 3 dias úteis
Receba muitos presentes com a lista de fraldas personalizada do iFraldas

Lista de presentes

Receba seus presentes em dinheiro.

No chá de bebê ou revelação à moda antiga, seus convidados, geralmente lhe presenteavam com os itens ou fraldas pedidas no convite.

Com o iFraldas, você recebe seus presentes em dinheiro, pode comprar o que quiser e de acordo com as necessidades do bebê. Não é muito melhor?

Vários temas para o seu chá de bebê, chá rifa ou chá revelação

Temas

Nós preparamos com todo carinho vários temas para você compartilhar seu chá na internet.

São 9 temas para chá de bebê ou chá rifa, e 5 temas para chá revelação, assim você pode deixar o site do chá do seu jeitinho!

Faça um convite online para seu chá de bebê, chá de fraldas ou chá revelação

Convite online

Faça lindos convites com várias opções de tema e compartilhe com as pessoas que você ama pelo WhatsApp, Facebook, Instagram, e-mail… você escolhe!

Tarifas e prazos

Tarifas

No intuito de prestar o melhor serviço para nossos clientes com alta tecnologia e segurança, o iFraldas retém um percentual de 7,99% sobre o valor das fraldas virtuais recebidas.

Caso o convidado efetue o pagamento por meio de cartão de crédito, incidirá também um desconto percentual de 3,99% sobre o mesmo valor. É uma cobrança da Intermediadora de Pagamentos – Pagar.me.

Segue um resuminho para não haver dúvidas sobre as tarifas:

Cartão de crédito Boleto Pix
7,99% + 3,99% 7,99% 1,49%

Tarifa zero para você

Você tem a opção de passar as tarifas para os seus convidados. Assim, quando eles te presentearem, as tarifas já serão adicionadas à compra e você recebe o valor integral dos presentes recebidos.

Quando da solicitação do resgate, informamos que não é cobrada taxa para a transferência. No entanto, a partir do segundo resgate, caso ocorra, será cobrada a taxa de R$7,90 por transferência.

Prazos

A seguir nossa política de liberação e resgate dos créditos:

Cartão de crédito Boleto Pix
Prazo para liberação 33 dias corridos Até 3 dias úteis Imediato (após o pagamento)
Prazo para transferência Até 3 dias úteis