Idade gestacional: como calcular semana de gravidez

Tabela de conteúdo

Quando uma mulher descobre que está grávida, uma das situações divertidas é sobre o cálculo da sua gestação em semanas (ao invés de meses). Quando alguém pergunta: “Está de quantos meses?”, a futura mamãe já responde automaticamente: “17 semanas”. Mas muita gente se confunde em relação a esse cálculo em semanas da gravidez, não é mesmo?!

Para ajudar as futuras mamães, no post de hoje vamos entender como calcular as semanas de gestação (idade gestacional) contando as semanas de gravidez.
 

O que é idade gestacional?

De acordo com o Manual MSD, a idade gestacional refere-se à idade do feto. Ou seja, a idade gestacional é o número de semanas entre o primeiro dia da última menstruação da mãe e o dia do parto.

É importante lembrar que esse período, ou seja, essa “contagem” costuma ser ajustada de acordo com outras informações que o médico recebe durante o pré-natal, incluindo o resultado de exames de ultrassom iniciais que oferecem outras informações sobre a idade gestacional.

Desta forma, calcula-se que a data de nascimento do bebê (a data prevista do parto ou DPP) será quando ele tiver uma idade gestacional de 40 semanas.

E por que o tempo de gravidez é calculado em semanas e não em meses?

E uma dúvida muito comum das futuras mamães, assim como dos familiares e amigos, é por que o tempo de gravidez é calculado em semanas e não em meses, visto que a gente sempre ouviu falar que uma gestação dura 9 meses.

O Portal MD.Saúde explica que os médicos não convencionaram contar o tempo de gravidez em semanas apenas para confundir a cabeça das futuras mães. Existe uma lógica por trás desta decisão. Vamos entender melhor?

As mudanças no organismo da futura mamãe e do feto são muitas e ocorrem de forma relativamente rápida, principalmente em relação à primeira metade da gravidez. Só para termos uma ideia: em um único mês, acontecem dezenas de alterações importantes. Desta forma, a contagem em semanas permite definir com mais exatidão o tempo de cada uma. Ficou claro?

Como calcular semana de gravidez?

Quando a mulher descobre que está grávida (ou desconfia da gravidez), procura seu ginecologista ou obstetra. Logo nessa primeira consulta, o médico vai querer saber quando foi o 1o dia do seu último ciclo de menstruação: ou seja, a DUM (Data da Última Menstruação).

Quando a mulher sabe a sua DUM, fica muito mais fácil estimar a DPP (Data Provável de Parto). Como? Verificando a quantidade de dias que se passaram da DUM até o dia do cálculo e dividindo por 7. O valor inteiro, resultado da divisão, é o número de semanas da gravidez e o resto da divisão é o número de dias passados na última semana.

Vamos com um exemplo? Uma mulher vai no dia 05 de fevereiro ao seu médico e quer saber qual a idade gestacional de uma gravidez em que a gestante menstruou pela última vez em 12 de novembro do ano anterior. De 12/11 a 05/02 passaram-se 85 dias. A divisão de 85 por 7 resulta em 14 com resto de 1, então esta gravidez terá 14 semanas e 1 dia em 05 de fevereiro (fonte: Portal Einstein). Parece complicado, mas rapidamente a futura mamãe já sabe, de cabeça, quantas semanas tem o seu bebezinho.

E quando a mulher não sabe a sua DUM?

Calma, mamãe! Calcular a idade gestacional baseada na DUM é apenas uma das formas de contabilizar as semanas de gravidez.

Caso a mulher não saiba a data da última menstruação ou tenha ciclos irregulares, calcula-se o tempo de gravidez pela ultrassonografia (USG) utilizando como referência o tamanho do feto.

O Portal Einstein explica que o ideal para esse cálculo é a realização de uma USG entre 8 e 12 semanas. Nesta situação, a margem de erro é de apenas 5 dias, podendo aumentar com o passar da gravidez para, até, 3 semanas no final.

O MD.Saúde explica que essa aferição realizada no USG do comprimento céfalo- caudal do feto durante o primeiro trimestre é a forma mais confiável para se estimar a idade gestacional e a data provável do parto. Mesmo aquelas mulheres que sabem

apontar sua DUM, o cálculo da idade gestacional é realizado pela ultrassonografia fetal para se confirmar essa estimativa. Na verdade, o cálculo feito por meio do ultrassom é mais confiável que a data da última menstruação.

Porém, é importante entender que não há um método único para a medida da idade gestacional. Métodos estimadores (exame físico, data da última menstruação, ultrassonografia) são usualmente utilizados, apresentando precisão e limitações variáveis (fonte: FioCruz).

Contando os trimestres da gravidez

De acordo com a Caderneta da Gestante do Ministério da Saúde, os primeiros trimestres da gravidez são contados assim:

  • 1o trimestre: até 13 semanas;
  • 2o trimestre: de 14 a 26 semanas;
  • 3o trimestre: de 27 a 40/41 semanas.

 

Idade gestacional: Transformando semanas em meses

Nem todas as tabelas com idade gestacional são idênticas: muito estudiosos diferem nesta contagem.
Para facilitar aqui para a mamãe, trouxemos as informações de uma tabela gestacional simples, em semanas e em meses. Vamos conhecê-la?

  • 1 a 4 semanas de gestação: 1 mês.
  • 5 a 8 semanas de gestação: 2 meses.
  • 9 a 12 semanas de gestação: 3 meses.
  • 13 a 16 semanas de gestação: 4 meses.
  • 17 a 21 semanas de gestação: 5 meses.
  • 22 a 26 semanas de gestação: 6 meses.
  • 27 a 30 semanas de gestação: 7 meses.
  • 31 a 35 semanas de gestação: 8 meses.
  • 36 a 40/41 semanas de gestação: 9 meses.

Para saber mais sobre gravidez, amamentação, chá revelação, cuidados com os bebês, acesse nosso blog e fique por dentro das nossas novidades!

Posts que podem te interessar

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O seu chá de bebê começa aqui

Faça sua lista de presentes e receba tudo em dinheiro.

ahh, montar sua lista é grátis ☺️